Tango: muito além de megas produções!

Tango. Quando falamos essa palavra, a muitas pessoas pensam nas mega produções oferecidas por muitas casas de shows. Mas para mim, a palavra vai muito além disso. Representa todo um sentimento, uma emoção ao cantar, ao tocar as melodias a elegância dos passos da dança.

Show de tango Café Tortoni Buenos Aires

Sempre que me perguntam se vale a pena ir em um show de tango, respondo que vale a pena presenciar o tango. Explico: existem sim vários bons shows (gosto do apresentado no Cafe Tortoni, veja mais aqui), mas também há apresentações em pontos turísticos como feiras de San Telmo e Recoleta, Caminito e ainda há opções mais tradicionais (e locais) como as milongas, onde além de ver as pessoas dançando, você pode se arriscar na pista de dança. Acredito que o mais importante seja sentir o tango de alguma forma, com toda a sua intensidade.

Por isso o post de hoje apresenta alguns dos tangos mais famosos para que você possa chegar no seu show, milonga, apresentação mais familiarizado e quem sabe, até cantarolando!

* Libertango – Astor Piazzolla

Tango preferido! Lindo, fico hipnotizada toda vez que escuto ou vejo alguém tocando.

* El día que me quieras – Carlos Gardel

Verdadeira declaração de amor! O vídeo é uma cena retirada do filme “El día que me quieras” de 1935.

* Por una cabeza – Carlos Gardel

Com certeza o tango argentino mais famoso e conhecido pela maioria das pessoas (quem não lembra da famosa cena do filme “Perfume de Mulher”?). A letra da música fala de um apostador compulsivo em corridas de cavalo que compara seu vício pelos cavalos com sua atração por mulheres.

* Mi Buenos Aires querido – Carlos Gardel

Também faz parte de um filme (com o mesmo nome). Gardel declara seu amor e saudade que sente de sua querida Buenos Aires.

Pra conhecer melhor toda a história, milongas e curiosidades sobre o tango, visite o blog da Gisele Teixeira, o Aquí me quedo.

Tem algum tango favorito? Conta pra gente!

Anúncios