Buenos Aires pode não ser seu lugar se…

Que nós amamos BsAs e somos encantados por essa cidade incrível, não é segredo (o blog tá aí cheio de post pra quem ainda não souber disso!). Quando recebemos a visita de parentes, amigos, já bate o espírito “guias loucos” que querem distribuir a pasión por Buenos para os novos turistas. Andamos pelas ruas, mostrando os melhores ângulos para fotos, os restaurantes preferidos, as ruas mais bonitas, os achadinhos de quem mora por aqui, gastamos muito a sola dos sapatos de tanto andar, tudo mesclado com uma boa dose de história argentina. Mas por mais que a gente se esforce, temos que aceitar que as vezes BsAs não exerce esse encantamento em todos. É difícil entender o porque, mas acontece. Então o post de hoje é um pouco diferente: colocamos algumas situações com as quais provavelmente BsAs não irá te agradar…

* É louco por compras

Sempre avisamos aqui que BsAs já não é mais o paraíso das compras. Apesar do real valer mais, muitos preços subiram. Casaco de couro já não é tão barato como antigamente. Não foque sua viagem em renovar o guarda-roupa! Algumas coisas são bem interessantes: os produtos criativos (que falei aqui), vinhos, artigos de decoração, lenços, enfim, coisas mais locais ainda tem um bom preço (como casacos de lã, por exemplo). Mas no quesito renovar guarda-roupa…sei não…

Foto: Pinterest

* Quer curtir a Copa do Mundo

Não, não, não! Não venha passar a copa do mundo aqui. Pegamos trauma, aversão, socorro, foge pras montanhas (brasileiras de preferência). A rivalidade é enorme, não pode falar que é brasileiro que vem musiquinha, piadinha, encheção de saco até dizer chega! (deu pra perceber que foi traumático,né?) Pessoas que adoramos se transformaram com o mundial. Bizarro! Até quem não gosta e não liga pra futebol, ficou irritado. Enfim…tá avisado!

* Não curte novas culturas

Nos restaurantes os garçons tem seu próprio tempo/ritmo, não são extremamente rápidos, muitas pessoas ocupam mesas mesmo depois de terminar de comer e ter pagado a conta. Gente, é cultural! É uma lição pra nós brasileiros, para aprendermos a tirar o pé do acelerador de vez em quando. Aproveite o momento, aproveite sua viagem.

Na grande maioria do tempo os vendedores te atendem como se estivessem fazendo um favor. Irrita?Sim! Você reclamar vai mudar alguma coisa? Não! Não é pessoal, o problema não é você! Respira!

Não, eles não comem arroz, não servem brigadeiro e não tem guaraná. Aproveite pra conhecer uma nova culinária, experimentar novas coisas. Não estou dizendo pra encarar uma “morcilla” (veja esse post aqui), mas a culinária deles é sensacional!

* Só usa cartão de crédito

Muitos locais não aceitam cartão de crédito. É uma situação bem diferente do Brasil (onde até ambulante na praia tem a tal maquininha), mas você se acostuma. Venha com o cartão habilitado para compras no exterior mas não dependa dele! Traga dinheiro em espécie (de preferência real ou dólar, que valem muito mais a pena na conversão) para não passar o sufoco de não aceitarem seu cartão e não conseguirem sacar em bancos!

Quem já conhece a cidade, tem algum outro conselho? Deixe seu comentário!

Anúncios